terça-feira, 30 de setembro de 2014

Estado dos EUA está afundando e deverá sumir do mapa em 2100


O estado da Luisiana, nos EUA, está, literalmente, afundando. 

De acordo com um estudo científico, nos últimos 80 anos, mais de 5 mil km² de superfície da região foram para debaixo d’água. 

Assim, aos poucos, a Luisiana está sendo coberta pelas águas do Golfo do México, e, segundo o cálculo de especialistas norte-americanos, no ano de 2100, Nova Orleans estará completamente submersa. Entre as múltiplas causas, foram considerados a mudança climática e o fator humano.


Tudo teria começado com um golpe retumbante no ecossistema local, quando, em 1927, foi iniciada uma campanha de construção de represas para reter a água e evitar os constantes transbordamentos do rio Mississípi. 

Enquanto que, por um lado, os diques cumpriram sua função, por outro impediram o fluxo contínuo dos sedimentos arrastados pelo rio, que permitiam a formação do solo da linha costeira, graças à ancoragem de raízes de plantas da região. Além disso, o degelo em escala global elevou gradualmente o nível dos mares em 3.2mm a cada ano. 

O caso da Luisiana, por sua vez, é particularmente mais grave, pois em torno da Grand Isle, a ilha que funciona como uma barreira no Golfo do México, o nível marítimo está subindo 9.2 mm anualmente.


Enquanto isso, as atividades industriais da região transformaram a região, ao longo do século XX, em um grande centro nacional de extração petrolífera. 

Dessa forma, os alicerces naturais da superfície terrestre foram minados, e os pântanos locais destruídos, resultando em um afundamento gradual das terras.

Fonte: History

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dicas e sugestões serão bem vindas. Fique à vontade para comentar