domingo, 29 de dezembro de 2013

O Ano Novo em Diferentes Culturas


Você, leitor, deve ter percebido que este blog anda meio parado neste final de ano, mas não se preocupe, ele voltará ao normal à partir da segunda semana de 2014, e já no dia 2 um post mostrando as melhores postagens de 2013. Tudo explicado, então vamos ao último post deste ano, que mostra como é comemorado o Ano Novo em diferentes países e culturas:

CHINA - Fim de janeiro ou começo de fevereiro

Os chineses seguem o calendário lunar, elaborado com base no tempo que a Lua leva para dar uma volta em torno da Terra - cerca de 29 dias e 12 horas. Antes da celebração, é tradição limpar a casa para afastar os maus espíritos. À meia-noite da virada, todos comem o guioza, um pastel típico. As festividades duram um mês e incluem desfiles e show pirotécnico


JAPÃO - Do dia 1º ao dia 3 de janeiro

O Réveillon nipônico é um pouco adiantado (por causa do fuso horário), mas também é celebrado no dia 1º de janeiro. A diferença é que lá do outro lado do mundo, a festa dura três dias - um superferiado. Na virada, os japoneses costumam comer macarrão, que representa uma vida longa. Também vão a um templo para rezar e pedir boa sorte para o novo ano


JUDAÍSMO - 1º dia do mês de Tishrei (meados de setembro)

Tishrei é o nome do primeiro mês do calendário judaico, no qual se comemora o Rosh Hashaná, o Ano-Novo judaico. A data é determinada pelas fases da Lua e é festejada durante dois dias com uma farta refeição. No banquete, carnes ensopadas e doces de frutas e mel, para atrair um ano doce. Em 2013 foi comemorado o ano de 5774



HINDUÍSMO - 1º de março (sul da Índia), 1º de outubro (leste e no centro indiano) e 14 de abril (comunidade tâmil)

Ano atual - 2070
A Festa das Luzes, o Réveillon hindu, dura cinco dias. A comemoração incluiu lamparinas, incensos e fogos de artifício para afastar as forças do mal. O Ano-Novo hindu varia entre as regiões da Índia, dependendo do estudo dos astros, e celebra o retorno da deusa da prosperidade, Lakshmi


ISLAMISMO Quando - 7 de dezembro

Ano atual - 1435
No ano de 622 d.C., Maomé deixa Meca e vai para Medina. A hégira, como o episódio ficou conhecido, determina o início do ano islâmico - ou 1º de Muharram. Durante a celebração, que dura dez dias, são realizados atos de compaixão e jejum. Como utiliza calendário lunar, a virada do ano é comemorada em datas diferentes todos os anos.


FÉ BAHÁ'Í Quando - Entre 2 e 20 de março

Ano atual - 170
A religião, que teve origem na antiga Pérsia (atual Irã), segue um calendário astronômico que tem 19 meses com 19 dias. Em meados de março, os bahá'ís celebram o Ano-Novo. Um período antes da comemoração, eles se purificam espiritualmente e costumam fazer jejum, que só termina quando o Sol se põe - indicando o início do novo ano.


WICCA Quando - 31 de outubro

Ano atual - 2014
Os praticantes da religião neopagã Wicca, difundida a partir da década de 1950, comemoram o fim de um ano e o começo de outro no último dia de outubro. Na data, são realizados rituais em altares para recordar aqueles que já morreram e eliminar as energias negativas. Velas, incensos, maçãs, vinho quente e pratos com abóbora e carne fazem parte da celebração


THELEMA Quando - 20 de março

A corrente celto-xamânica comemora o Ano-Novo no dia 20 de março, ou numa data próxima. A virada coincide com o Banquete pelo Equinócio dos Deuses, época em que o Sol passa de um hemisfério para o outro. (Não encontrei o ano atual)


Algumas curiosidades

- No Vietnã, as pessoas limpam suas casas para receber os Deuses da Cozinha (uma mulher e seus dois maridos). Acender velas e lavar as estátuas de Buda é um costume forte na Tailândia, país em que a passagem do ano é festejada de 13 a 15 de abril. 

- Os escoceses acreditam que a primeira pessoa que pisar em suas casas após a virada do ano determinará a sorte dos próximos 365 dias.

- Por sua vez, os coreanos ficam mais velhos, pois a idade deles é calculada no Ano-Novo. Enquanto isso, na Holanda, as pessoas queimam as árvores de Natal em fogueiras para expulsar os velhos espíritos. 

- Os iranianos comemoram o Ano-Novo no início de cada primavera.

- No Paquistão é celebrado no momento em que o Sol entra no signo de áries. 

- Nos Estados Unidos, o mais famoso Réveillon ocorre em Nova York, na Time Square, onde o povo se encontra para dançar, correr e gritar, enquanto na contagem regressiva, uma grande maçã vai descendo no meio da praça e explode exatamente à meia-noite, jogando balas e bombons para todos.

- Em Portugal uma das tradições é sair às janelas de casas batendo panelas para festejar a chegada do ano. Nos dias 25 de dezembro e 1º de janeiro, come-se uma mistura feita com as sobras das ceias, chamada “Roupa Velha”, em que o ingrediente principal é o bacalhau cozido.

- Na Espanha a festa dura nove dias, entre 28 de dezembro, dia dos Santos Inocentes, até 5 de janeiro, da chegada dos Reis Magos, em que as cidades são tomadas por cavalgadas de reis, além das famílias cozinharem a rosca de reis, uma espécie de bolo doce, com figuras e brinquedos para as crianças.  A passagem do ano em Madrid é também um evento de grandes proporções, em que os cidadãos vão à Puerta Del Sol ouvir as badaladas do relógio e fazer pedidos para o novo ciclo.

- O Dia da Mentira surgiu na França, quando o Ano Novo mudou de 25 de março para 1º de abril e, depois, para 1º de janeiro. Desde então, as pessoas começaram a sacanear uns aos outros.

Fontes: http://mundoestranho.abril.com.brhttp://www.intercambioaz.com.brhttp://www.portalvital.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dicas e sugestões serão bem vindas. Fique à vontade para comentar