segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Quanto pesa a internet?



Antes de dar a resposta da pergunta que enuncia o nome deste post, vamos a uma breve explicação de como funciona o peso da informação.

Um Pen-Drive funciona de forma similar a um capacitor. Ele armazena a informação em forma de elétrons, nas seguintes formas, "Agitado"(1) ou "Calmo"(0). Um Pen Drive, originalmente está em (0). Quando você transfere um arquivo para ele, o mesmo passa ao estado (1). Ou seja os elétrons se agitam. Então pense: Quanto mais arquivos, mais agitados os elétrons. Quanto mais elétrons, mais energia. Quanto mais energia, mais massa., em uma quantidade absurdamente mínima, mas ainda sim é alguma coisa.

1 Gigabyte de informação pesaria alguns picogramas (a trilionésima parte de uma grama), aproximadamente o peso de uma mísera bactéria. Quando passamos aos Terabytes, então temos algumas nanograma, ou o peso aproximado de 10 a 100 glóbulos (as células do seu sangue).  Se colocarmos 10 Petabytes, obtemos o peso de um mosquito, algumas microgramas. Se chegarmos na casa dos Exabytes, temos algumas Miligramas.

Na internet temos mais de 2 bilhões de e-mails registrados, 144 bilhões de e-mais enviados diariamente (cujo quais 68,8% são Spam), 634 milhões de Sites, 4 bilhões de horas de vídeo no Youtube por mês, 300 milhões de imagens enviadas ao Facebook por dia, fora uma infinidade de dados que eu poderia fazer um post enorme. Mas a questão não é quantidade, mas sim peso. Baseado em toda essa, e mais algumas informações, o pessoal do VSauce calculou que toda a Internet tem 50 gramas de elétrons em movimento.

De uma forma mais simples e ilustrativa, a Internet tem o peso de um pão francês.


Resta saber se o pessoal do VSauce também levou em consideração a Deep Web ou somente a Surface.

Adaptado de Dossiê

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dicas e sugestões serão bem vindas. Fique à vontade para comentar